ESCUTE A RÁDIO NOVO CARIRI - PROGRAMAÇÃO DO MOMENTO: (MUSICAL)

sábado, 25 de junho de 2016

Ex-prefeito Vogel conquista mais adesões e se diz confiante para a eleição

O grupo político liderado pelo ex-prefeito Vogel Oliveira em Assunção, tem adotado a estratégia de ampliação da base eleitoral bem antes do dia da eleição. 

Leia também: ASSUNÇÃO: VOGEL CONFIRMA CANDIDATURA, FALA DA SAÚDE E DE CONVITES PARA OUTRAS CIDADES

A cada final de semana visitas são realizadas e adesões estão sendo anunciadas a todo instante, as mais recentes, conquistadas nesse domingo dia 25, foram do ex candidato a vereador Dida da prestação (2004) e o irmão dele, Damião Martiniano, que chegou a ser gerente das empresas do pré-candidato da oposição.  

Em contato com a nossa reportagem Wamberto Oliveira, irmão de Vogel e que fez parte da articulação, avaliou a chegada dos mais novos integrantes do grupo político. 

"Estamos felizes com a qualidade das pessoas que estão chegando, hoje não foi diferente, Dida e Damião, são figuras importantes, pessoas de bem, que gostam de Assunção e compreenderam o projeto em curso" Disse Wamberto, mais conhecido como Betinho. 

Recém chegado ao grupo de Vogel, Humberto Balduíno, filho do ex-vice prefeito Lindoval, também fez parte da articulação.   

Redação do Cariri

CG está entre seis cidades do Brasil que terão programa para tratamento da microcefalia

Campina Grande é uma das seis cidades brasileiras contempladas com o Laboratório de Formação do Trabalhador de Saúde no Contexto da Microcefalia. O programa, que vai oferecer capacitação para os profissionais de saúde que trabalham com crianças portadoras da microcefalia, foi apresentado nesta semana, em Brasília, pelo Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS).

A formação abrange médicos, enfermeiros, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos, psicólogos, fisioterapeutas e outros profissionais de nível superior da rede de atenção às crianças com microcefalia, além dos Agentes Comunitários de Saúde. O treinamento busca capacitar para o atendimento às crianças, por meio de ensinamentos sobre monitoramento dos casos, diagnóstico, prevenção, estímulo do recém-nascido e apoio às mulheres, mães ou gestantes.

A diretora de vigilância em saúde da Secretaria Municipal de Saúde, Eliete Nunes, participou da oficina nacional de lançamento do projeto em Brasília e explicou que, em Campina Grande, o curso será ministrado em outubro para quatro turmas. “Os profissionais que participarem do projeto atuarão como multiplicadores e repassarão as noções para os outros trabalhadores”, disse.

Segundo a prefeitura, Campina Grande foi escolhida para participar do projeto porque se tornou referência no cuidado humanizado às crianças e famílias de bebês com microcefalia. O serviço de referência no tratamento à microcefalia e outros distúrbios, causados pela Síndrome Congênita do Zika Vírus, foi criado em novembro do ano passado e funciona no Hospital Municipal Pedro I. O ambulatório atende mais de 70 bebês e já prestou assistência para mais de 600 mulheres grávidas com sintomas de zika.

As outras cidades contempladas são Recife (PE), Salvador (BA), Araguaína (TO), Juiz de Fora (MG) e Cuiabá (MT). O projeto é realizado pelo CONASEMS, em parceria com a empresa Johnson & Johnson e com o Instituto de Apoio e Pesquisa ao Desenvolvimento Social (IPADS). A medida atende o Plano Nacional de Humanização (PNH).

Portal Correio 

Estudantes poderão testar conhecimentos em simulado nacional do Enem

A partir deste sábado (25), estudantes de todo o país poderão fazer gratuitamente um simulado online do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), na plataforma Hora do Enem. As provas podem ser acessadas até as 20h do dia 3 de julho. Acesse aqui.

Para acessar a prova, basta se cadastrar no site da Hora do Enem. Os alunos da rede pública que não tiverem acesso à internet poderão realizar o simulado na escola onde estudam, entre os dias 27 de junho e 1º de julho. Após o simulado, o estudante recebe imediatamente a nota que tirou. O resultado mostrará também o desempenho do aluno em relação a outros candidatos ao curso que pretende fazer. “Convoco todos os jovens do Brasil que estão se preparando para o Enem a participar do segundo simulado, agora em junho. É uma ótima oportunidade para se preparar”, disse o ministro da Educação, Mendonça Filho.

Este será o segundo simulado online para o Enem. Até a prova, dias 5 e 6 de novembro, serão disponibilizados pelo menos mais três testes, em agosto e outubro. Os últimos simulados serão no mesmo formato do Enem e terão dois dias de duração. Não haverá simulado da redação.

Mais de 710 mil estudantes de todo o país fizeram o primeiro simulado nacional do Hora do Enem, realizado entre os dias 30 de abril e 1º de maio, e repetido entre os dias 7 e 8 de maio. Pelo menos 85% dos participantes estudam na rede pública de ensino.

Realizado pelo Ministério da Educação em parceria com o Serviço Social da Indústria (Sesi) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), o Hora do Enem oferece aos alunos cadastrados uma plataforma de estudos personalizada. Além dos simulados, os estudantes têm acesso a ferramentas como testes de nivelamento em diferentes matérias, videoaulas, exercícios comentados por professores e possibilidade de criar um cronograma de estudos online. As aulas podem ser acessadas na plataforma Mecflix.

Desenvolvida pela Geekie Games, a plataforma também está disponível na Google Play para download em smartphones Android.

As provas

O Enem de 2016 será nos dias 5 e 6 de novembro. A nota do exame é usada na seleção para vagas em instituições públicas, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), bolsas na educação superior privada por meio do programa Universidade para Todos (ProUni) e vagas gratuitas nos cursos técnicos oferecidos pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec).

O resultado do exame também é requisito para receber o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e participar do programa Ciência sem Fronteiras. Para maiores de 18 anos, o Enem pode ser usado como certificação do ensino médio.

Acidente destrói carro, mas 4 ocupantes escapam no Sertão

Quatro pessoas ficaram apenas feridas em um acidente que praticamente destruiu o carro envolvido, nesta sexta-feira (24), na Rodovia PB-400, nas proximidades da cidade de Monte Horebe, no Sertão paraibano.

Segundo informações, o motorista perdeu o controle do veículo, um Fiat Uno vermelho e capotou. O carro se transformou em um monte de ferro retorcido.

A vítima mais grave é morador da cidade de São José de Piranhas e foi internado no Hospital Regional de Cajazeiras.

Os outros três ocupantes, José Jucivan Sousa Pereira de 22 anos (condutor), José Manuel Neto, de 16 anos, e José Erivan Pereira da Silva, de 21 anos, todos de Monte Horebe, sofreram apenas escoriações pelo corpo.

LF com Radar Sertanejo

Jovem sofre acidente, mas acaba preso em hospital

Por volta das 15h30, desta sexta-feira (24), um homem de 23 anos, foi preso em flagrante na cidade de Serra Branca, no Cariri Paraibano.

Segundo informações, ele estava com amigos em um sítio na Zona Rural de Serra Branca e ao sair em uma motocicleta acabou se acidentando.

Os familiares de imediato, o conduziram até o Hospital da cidade, para que ele fosse atendido, pois machucou o joelho.

O mesmo chegou à unidade de saúde desacordado e quando recobrou a consciência, começou a apresentar um comportamento agressivo, não permitindo que nenhum profissional o ajudasse.

Então, os funcionários do Hospital ligaram para o batalhão e solicitaram a presença da polícia para conter o rapaz que estava a todo instante, proferindo palavras de baixo calão, desferindo chutes e apresentava sinais de embriaguez.

Com a chegada dos militares, a situação ficou ainda pior e o jovem continuou resistindo ao pedidos para que ele se acalmasse. No entanto, os policiais conseguiram imobilizar o rapaz, para conduzi-lo até a Delegacia, pelo desacato cometido.

Na Delegacia, Renan relatou o ocorrido de diversas formas ao Delegado plantonista Yuri Givago.

Após serem ouvidas as testemunhas, o jovem foi autuado pelos crimes de desacato, desobediência, resistência, dano ao patrimônio público (por quebrar umas das cadeiras do Hospital), além de fazer ameaças de morte a um militar.

Em seguida, ele foi conduzido para a Cadeia Pública local e ficará a disposição da justiça.

O acusado que é natural da cidade de Nova Russas, no estado do Ceará, estava na região passando férias junto com sua esposa na casa de familiares. O casal reside na cidade do Rio de Janeiro.

O jovem é usuário de remédios controlados, pois sofre com problemas de depressão e havia interrompido a ingestão da medicação há alguns dias.

MaisPB com Cariri Ligado

Vereador revela ameças de morte para renunciar mandato na PB

O vereador de Pedra Branca, Francisco Geneton de Caldas, de 52 anos, que havia registrado queixa na delegacia por suposta ameaça de morte, no último dia 18, desistiu da representação: dois dias depois, ele procurou a polícia e retirou a queixa.

Na queixa, o parlamentar mirim, que é ligado politicamente ao prefeito, disse que três pessoas teriam obrigado-o, sob ameaça, a assinar um documento renunciando ao mandato de vereador. Geneton disse que assinou o documento, mas, dois dias depois, registrou a queixa. No entanto, agora, depois de um suposto entendimento com as pessoas que acusava, desistiu da denúncia e não vai renunciar ao mandato, ou seja, não vai cumprir o documento que assinou.

Como não deu tempo, a polícia não chegou a apurar o motivo do desentendimento e a razão do interesse das três pessoas que supostamente queriam a renúncia do parlamentar mirim. Com a retirada da queixa pela suposta vítima, o Boletim de Ocorrência será arquivado.

LF com Folha do Vali

Rômulo participa lançamento do selo postal do Maior São João do Mundo e recebe deputados do Brasil em CG

O Deputado Federal Rômulo Gouveia (PSD) participou do lançamento do Selo personalizado ‘O Maior São João do Mundo’ nesta quinta (23) em Campina Grande. Durante a solenidade também foi inaugurado a nova sede do Procon Municipal.  O deputado ainda recepcionou vários parlamentares do Brasil na ‘Rainha da Borborema’.

Ao lado do Prefeito Romero Rodrigues, Gouveia recebeu o presidente dos Correios e Telégrafos, Guilherme Campos, que lançou o selo personalizado ‘O Maior São João do Mundo’.

Depois o deputado participou da inauguração do novo prédio do Procon. O evento foi pretigiado por várias autoridades como o presidente da Câmara Municipal, Pimentel Filho.


“Agradeço ao presidente Guilherme Campos, que pela primeira vez esta em Campina Grande, e mais uma vez parabenizo o prefeito Romero Rodrigues por mais esta conquista para Campina Grande, com a nova sede do Procon”, destacou Rômulo.

Rômulo Gouveia também recepcionou vários deputados federais que estiveram em Campina Grande para prestigiar O Maior São João do Mundo.

Estiveram com Rômulo os deputados: Celio Silveira(PSDB-GO), Mariana Carvalho(PSDB-RO), Felipe Bornier (PROS-RJ), Wilson Filho (PTB) e outras personalidades.

“Todos os anos faço questão de convidar todos os colegas para conhecerem o nosso Maior São João do Mundo e se tornarem também embaixadores de Campina e da Paraíba", disse Rômulo Gouveia.

Gouveia assistiu o show de Elba Ramalho, ao lado do prefeito Romero Rodrigues, do presidente dos Correios e Telégrafos, Guilherme Campos, do vice-presidente Rodolfo Catão e outras autoridades no Parque do Povo.

Troca de tiros amedronta população em bairro de Juazeirinho

JUAZEIRINHO - A violência continua mostrando a sua face na cidade e, de acordo com informações de populares um tiroteio ocorreu na madrugada deste sábado (25) na região central da cidade.

Os populares que mantiveram contato com nossa equipe de reportagem, disseram que o tiroteio envolveu policiais militares.

No entanto, não souberam precisar se foram os policiais que atiraram ou se houve troca de tiros com pessoas suspeitas.

O tiroteio aconteceu nas proximidades da "Capela do Amém".

Da redação
Com Heleno Lima

Ladrões roubam e escola e depois incendeiam prédio no Cariri da Paraíba


 Na madrugada deste sábado (25), bandidos arrombaram a escola Municipal do conjunto Frei Damião, zona oeste da cidade e fizeram uma verdadeira limpa, roubando a merenda que estava armazenada nos armários e nos freezers, além de parte da louça.

Além disso, os meliantes tocaram fogo na secretaria, queimando toda a documentação do educandário relacionada aos estudantes e funcionários.

Para adentrar ao recinto, os marginais arrombaram o portão de entrada e, já nas dependências do colégio, arrombaram outro portão para terem acesso a merenda e a louça.

O vigilante, Edvan, que estava de plantão na referida escola disse que 5 horas da manhã foi para sua residência, que fica perto, para tomar café e, aproximadamente 20 minutos depois, foi informado de que o colégio estava pegando fogo.

Já o secretário Municipal de esporte e juventude, Abel Costa, esteve no local e disse que achava muito estranho alguém arrombar uma instituição pública com o dia já claro, roubar e depois tocar fogo sem que ninguém veja.

A diretora adjunta, Socorro do Leite, estava no colégio tentando contato com a Polícia Militar para ir fazer os primeiros levantamentos sobre o furto seguido de incêndio, mas não havia conseguido.

Agora, a Polícia Civil vai investigar para tentar elucidar este crime, identificar e prender os ladrões.

Redação LF
Com HL

sexta-feira, 24 de junho de 2016

Hoje tem festa de São João em Salgadinho

A prefeitura de Salgadinho realiza na noite de hoje festividade de São João em praça pública com as seguintes atrações: 

  • Show dos três, Luan Pegada Quente, Mano e Neno.
A festa acontece na praça Joaquim Marculino a partir das 21h e deve contar com grande participação popular. 

Em contato com nossa reportagem a prefeita Débora Cristiane disse que mesmo diante do cenário de profundas dificuldades impotas pelo momento que o Brasil travessa, a gestão municipal não poderia deixar de festejar uma data tão importante para o povo.  

Redação 

Homem é preso após cumprimento de mandado de prisão em São José dos Cordeiros


Foi cumprido mandado de prisão em aberto contra a pessoa de Inácio Brito da Silva, popularmente conhecido por "cego", de 64 anos, natural sítio novo, zona rural de São José dos Cordeiros.

Inácio, estava dando guarida ao fugitivo do presídio de Canhotinho/PE, conhecido por Galego, preso recentemente pela prática de assaltos em Serra Branca e Cordeiros.

Após a prisão de Galego, Inácio passou a ser investigado pela Delegacia de Serra Branca por crimes supostamente praticados no passado.

Ao longo das investigações, foi descoberto que havia um mandado em aberto, oriundo da cidade de Campina Grande por roubo, sendo cumprido na tarde desta quarta-feira (22), por policiais da Delegacia de Serra Branca.

Inácio, após a prisão, foi encaminhado para a Cadeia Pública da cidade.


Jornalismo Ind FM
Informações DPC/Serra Branca

Grave acidente é registrado entre Boqueirão e Cabaceiras

Uma grave colisão entre uma motocicleta e um caminhão pipa foi registrada no início da tarde desta quarta-feira (22), entre as cidades de Boqueirão e Cabaceiras no Cariri Paraibano.

Segundo informações apuradas, na motocicleta de modelo Honda Bros, estavam um homem popularmente conhecido como Geraldo de Enock, que foi socorrido pelo SAMU e a sua esposa Íris, que com a gravidade do impacto veio a óbito no local.

Detalhes extraoficiais dão conta de que o caminhão pipa estaria voltando de uma vistoria na cidade de Cabaceiras quando acabou batendo na motocicleta.

Jornalismo Ind FM 
Edna Amorim

Soledade: Flavinho diz que em 13 meses de governo conseguiu fazer mais que a atual gestão

Flávio Aureliano concedeu uma entrevista de rádio nessa quinta feira (23) no município de Soledade e confirmou sua pré-candidatura ao cargo de prefeito da cidade. 

Durante mais de uma hora, o político respondeu as perguntas feitas pelo jornalista Lázaro Farias e também as direcionadas pelo público ouvinte. 


Sobre o tempo que governou Soledade

Flávio Governou a cidade de Soledade durante 13 meses entre o final de 2013 e o ano 2014, depois que o prefeito José Bento Leite, foi afastado acusado de ter cometido conduta vedada durante a eleição de 2012.

Durante esse período Flavio Aureliano afirma ter feito muito em pouco tempo. Relatou que firmou convênios importantes, a exemplo do que assegura, segundo ele, o saneamento da cidade, algo em torno de 8 milhões de reais. 

O ex-prefeito disse ainda que nesse período cuidou dos problemas hídricos, voltou atenção para o homem do campo e pagou rigorosamente a folha de pagamento, além de ter voltado olhar cuidadoso para a educação e saúde.

Para Flavinho, quando o prefeito José Bento voltou, não conseguiu seguir o mesmo ritmo da gestão, "e o povo hoje tem a oportunidade de comparar", disse. "Me sinto credenciado a voltar a prefeitura, estou plenamente confiante, já que em 13 meses, com certeza fizemos mais que eles em toda gestão"

A respeito das alianças 

Flávio Aureliano afirmou que está num momento de diálogos, de profunda comunicação entre todos os setores e que espera poder formar uma grande coalizão com a participação de muitas lideranças. 

Ele foi específico em dizer que vai conversar com o ex-prefeito Fernando "eu sempre votei em Fernando e ele em mim, além disso nutro uma grande atenção e respeito pela pessoa dele" finalizou.

Sobre ser candidato 

"Estou com o nome posto, mas não existe imposição, se por acaso uma pesquisa mostrar que outro companheiro, pode tocar esse processo com mais chances, eu apoio e sigo na luta" Disse.

A respeito do seu afastamento 

Flavinho usou de humildade ao se referir ao momento que foi afastado da prefeitura para que o atual prefeito, José Bento, reassumisse o cargo. "Eu me senti injustiçado e entristecido ao mesmo tempo, apesar de naquele momento poder recorrer da decisão, não o fiz, me recolhi e não criei nenhum tipo de obstaculo a atual gestão, segui minha vida e cheguei a pensar em deixar a política, mas depois entendi os planos de Deus." 

Sobre a escolha do Vice 

O pré-candidato a prefeito disse que ainda não existe definição sobre o vice, pois as articulações ainda estão sendo feitas. 

Sobre o futuro 

Flavio Aureliano afirmou que olha para o futuro de Soledade com esperança em dias melhores. "Eu confio que as coisas vão melhorar, que um tempo de desenvolvimento, de prosperidade, está chegando, amo minha terra e juntos vamos fazer muito por Soledade"

O ex-prefeito ainda falou de temas como trabalho e renda, assegurando que vai fomentar se chegar a prefeitura, a abertura de novos postos de trabalho para alavancar a economia. Flavinho criticou a gestão por não realizar as festas juninas e garantiu que se estiver na prefeitura no ano que vem, essa tradição vai voltar. A entrevista foi concedida na rádio Caruá FM 90,1. 

Redação 


Tragédia: Homem de 29 anos morre eletrocutado na Paraíba

PUXINANÃ - Uma grande tragédia ocorreu na tarde desta quarta-feira (22), quando Rodrigo Lima, 29 anos, morreu eletrocutado.

Ele trabalhava com esquadrilha de alumínio quando levava uma barra do material que bateu em um fio de alta tensão.

Rodrigo sofreu um choque violento e foi socorrido para o Hospital de Emergência e Trauma da cidade de Campina Grande, mas não resistiu e morreu.

Ele era filho de Josete professora e deixa a esposa e uma filhinha.

Após constatada a morte, o corpo foi levado ao Instituto de Polícia Científica (IPC), para ser necropsiado.

Seu sepultamento acontece as 17 horas no cemitério público da cidade de Puxinanã, onde residia.

A cidade toda está entristecida com o terrível acidente, haja vista que Rodrigo era uma pessoa muito querida pelos puxinanaenses.

Redação do Portal LF
Informações: Heleno Lima 

“É um constrangimento é um abuso” diz o Senador Cássio sobre ação que prendeu ex-ministro

Líder do PSDB no Senado,  o  paraibano Cássio Cunha Lima (PB)  saiu em defesa defesa da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) e criticou  a ação a ação da Polícia Federal que prendeu, nesta quinta-feira (23),  o ex-ministro do Planejamento Paulo Bernardo, marido da petista. A Operação Custo Brasil, um desdobramento da Lava Jato, fez busca e apreensão no apartamento funcional de Gleisi em Brasília.

Para Cássio Cunha Lima apenas uma autorização do Supremo Tribunal Federal permitiria que a  Polícia Federal fizesse buscas e apreensão na casa de uma senadora. O tucano considerou “um abuso” que essa ordem tenha partido de um juiz de primeira instância.

“Um juiz de primeiro grau não tem autorização para busca e apreensão no apartamento funcional de uma senadora. Só quem poderia autorizar essa ação é o Supremo”, afirmou Cunha Lima.

Cássio cobrou um posicionamento dos petistas, a partir do também paraibano Lindbergh Farias (PT-RJ), sobre o fato ocorrido. De acordo com Cássio, ele não ouviu nem sequer menção por parte dos aliados de Dilma do que houve com a colega de parlamento.

“É um constrangimento. Por mais que o embate político seja duro, há uma família por trás disso. Não há motivo para tripudiar, não tenho razão para soltar fogos pela prisão de ninguém. Há um limite de embate político e de respeito à pessoa humana”, afirmou Cássio.

O senador relembrou que, apesar das críticas, também foi contrário à condução coercitiva do ex-presidente Lula e ao vazamento das gravações entre Lula e a presidente afastada Dilma Rousseff, que intensificaram os movimentos pró-impeachment.

Fonte: AE
Créditos: AE

Tentativa de assassinato em Assunção amedronta moradores e faz ser retomado o debate sobre segurança

Uma tentativa de homicídio foi registrada na madrugada desta sexta (24) na cidade de Assunção, Cariri da Paraíba. 

Segundo informações de populares por volta das 2 horas da madrugada, um menor que tem apenas 15 anos, conhecido popularmente como "Sanhá", foi vítima de uma tentativa de homicídio, ele reside no bairro Júlia Borges Ferreira.

O crime teria ocorrido na saída de Assunção para a cidade de Salgadinho. Populares relataram que ouviram disparos de arma de fogo e logo depois gritos de socorro do menor que já se encontrava baleado na região da virilha.

Mesmo ferido o rapaz conseguiu caminhar para próximo de uma casa onde um veículo foi acionado para fazer o socorro. A vítima foi encaminhada para uma unidade hospitalar perdendo muito sangue.

A polícia está investigando o motivo do crime. A qualquer momento voltamos com mais informações.

A tentativa de assassinato, segunda em curto espaço de tempo, amedronta os moradores da pequena cidade, que há bem pouco tempo, vivia numa cidade bastante tranquila. Apesar de ninguém se pronunciar abertamente por medo de represália, o debate nas calçadas, envolve sempre o tema da falta de segurança pública. 

Não faz muito tempo que houve um homicídio na cidade e recentemente até a delegacia de polícia foi incendiada. 

Redação do Portal LF 
com informações colhidas no Blog do Guedes 

quinta-feira, 23 de junho de 2016

Ex-ministro Paulo Bernardo é preso em Brasília pela Lava Jato

O ex-ministro do Planejamento do governo Lula e das Comunicações no primeiro governo Dilma, Paulo Bernardo, foi preso nesta quinta-feira (23) em um desdobramento da 18ª fase da Operação Lava Jato, em Brasília. Ele é marido da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), que estava com Bernardo no apartamento funcional, em Brasília, quando a polícia chegou.

Outro ex-ministro de Dilma Carlos Gabas (Previdência) teve a casa alvo de busca e apreensão.

Inicialmente, a PF informou que Gabas foi alvo de condução coercitiva, que é quando a pessoa é levada a depor. No entanto, o juiz que autorizou o mandado disse que Gabas deveria ser informado pelos policiais que teria o direito de ficar em silêncio e, nesse caso, não seria obrigado a ir para a delegacia prestar depoimento. Como Gabas disse que não falaria com as autoridades, pôde ficar em casa. 

MPF denuncia ex-prefeito da Paraíba por fraude em licitação

O Ministério Público Federal (MPF) em Sousa, no Sertão paraibano, ajuizou uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra o ex-prefeito do município de São Bento e atual deputado estadual Jaci Severino de Souza (PP), investigado na Operação Gasparzinho. A operação, deflagrada em 2011, desarticulou uma quadrilha suspeita de usar empresas fantasmas para fraudar licitações em 35 cidades da Paraíba.

O G1 tentou entrar em contato com o deputado, mas até as 13h15, o telefone só chamava até a ligação cair.

O ex-prefeito é acusado de montar um procedimento licitatório com o objetivo de selecionar, de forma fraudulenta, uma empresa específica para executar um contrato de repasse firmado com o Ministério do Turismo para a pavimentação de ruas do bairro da Sudene, em São Bento, durante a gestão de Jaci Severino, em 2009. Além do ex-gestor, outras quatro pessoas e a empresa foram envolvidas na ação.

De acordo com o MPF/PB, o esquema funcionava de forma semelhante aos que foram denunciados nas operações Carta Marcada, I-Licitação, Fachada, Transparência e Andaime, nas quais empresas fictícias eram constituídas e negociadas com vários municípios paraibanos, a fim de simular despesas e fraudar procedimentos licitatórios.

O órgão explica que o procedimento de licitação para a pavimentação das ruas foi dispensado ilegalmente pelo então prefeito para favorecer a empresa. Em seguida, o responsável pela empresa juntamente com o ex-prefeito e com a comissão permanente de licitação, teriam falsificado uma série de documentos com o objetivo de justificar aos órgãos de controle a contratação ilegal.

Na ação, o MPF requer a condenação dos réus por atos de improbidade por dispensa indevida de licitação. As penas previstas são o ressarcimento integral do dano, a perda da função pública, a suspensão dos direitos políticos de cinco a oito anos, o pagamento de multa civil de até duas vezes o valor do dano e a proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais o creditícios, direta ou indiretamente, pelo prazo de cinco anos.

Por 11 votos a 0, STF torna Cunha réu pela 2ª vez

O Supremo Tribunal Federal (STF) aceitou nesta nesta quarta-feira (22), por 11 votos a 0, denúncia apresentada contra o deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) por suposto recebimento e movimentação de propina em contas secretas na Suíça.

Com a decisão, Cunha se torna réu pela segunda vez na Operação Lava Jato. Ele foi denunciado pela suposta prática de corrupção, lavagem de dinheiro, evasão de divisas e declaração falsa em documento eleitoral. Em março, quando se tornou réu pela primeira vez, Cunha era acusado de exigir e receber ao menos US$ 5 milhões em propina de um contrato do estaleiro Samsung Heavy Industries com a Petrobras.

A denúncia aceita nesta quarta-feira aponta que o deputado recebeu propina no exterior na compra, pela Petrobras, de um campo de petróleo em Benin, na África. O negócio, fechado em 2011, teria custado R$ 138 milhões à estatal e rendido propina de R$ 5,2 milhões para Eduardo Cunha.

A defesa contesta a acusação e sustenta que “não há indícios minimanente sólidos” das imputações ao deputado afastado. “Não se pode julgar alguém por corrupção sem realização de atos de ofício ligado às suas atribuições constitucionais”, disse a advogada Fernanda Tórtima.

Por meio de nota, Cunha disse acreditar que será absolvido e afirmou ver com “inconformismo” a decisão do Supremo de aceitar a denúncia. “Respeito a decisão e confio que, ao fim, serei absolvido. […] Ressalto ainda o meu inconformismo com a decisão, dando como exemplo que a comprovação feita pela minha defesa de que uma suposta reunião na Petrobras não aconteceu”, diz Cunha na nota (leia a íntegra da nota ao final desta reportagem).

Todos os ministros do Supremo votaram para receber a denúncia. Além do relator do caso, ministro Teori Zavascki, votaram favoravelmente os ministros Marco Aurélio Mello, Dias Toffoli, Edson Fachin, Rosa Weber, Cármen Lúcia, Luís Roberto Barroso, Luiz Fux, Gilmar Mendes, Celso de Mello e Ricardo Lewandowski.
O recebimento da denúncia não significa que Cunha é culpado ou inocente. A condenação ou absolvição no caso só será decidida no fim do processo. Até lá deverão ser coletadas novas provas contra o deputado ou a favor dele. Testemunhas ainda precisarão ser ouvidas, perícias serão realizadas e a defesa terá novas chances para contestar as acusações.
“A análise dos autos revela a existência de indícios robustos para recebimento da denúncia, cuja narrativa dá conta de que Eduardo Cunha, na condição de integrante do PMDB, aderiu ao recebimento para si de vantagens indevidas oriundas da propina destinada a diretor da estatal Jorge Luiz Zelada em função do cargo por negócio ilícito com ela celebrado, liame que ademais encontra-se fartamente demonstrado nos autos”, disse o ministro.

Voto do relator
Ao anunciar seu voto nesta quarta-feira, o ministro Teori Zavascki considerou que a acusação contra o parlamentar contém indícios suficientes de ocorrência e autoria dos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro, evasão de divisas e declaração falsa em documento eleitoral.

Denúncia
Em seu voto, Zavascki também levou em conta trechos da denúncia que mostrariam Cunha como responsável pela nomeação do ex-diretor Internacional da Petrobras Jorge Zelada, que autorizou a compra do campo de petróleo na África. Em troca de apoio político para sua manutenção no posto, o PMDB e Cunha teriam exigido e recebido propina em contratos da área, segundo a acusação.

O ministro também ressaltou as movimentações financeiras realizadas após a compra, intermediada pelo lobista e ex-funcionário da Petrobras João Augusto Henriques Rezende, que teria recebido US$ 10 milhões como “taxa de sucesso”. O dinheiro, segundo a acusação, seria dividido para pagamento de propina, parte dela para Cunha.

Zavascki também fez referência a documentos e depoimentos apontando que Cunha tinha o controle sobre as contas que receberam os recursos no exterior, depositados em francos suíços.

“Os elementos indiciários colhidos na investigação revelam que o acusado era o responsável pela origem e ao mesmo tempo o beneficiário dos valores depositados nas contas do banco Julius Baer, em nome da Triumph, da Orion e da Netherton”, afirmou, citando nome de empresas e contas ligadas ao deputado na Suíça.

Em outro trecho de seu voto, o ministro também considerou irregular a manutenção de trustes no exterior não declaradas às autoridades brasileiras em valores superiores a US$ 100 mil. Por ser um tipo de investimento administrado por terceiros, Cunha alega que não era proprietário de conta no exterior, mas somente beneficiário.

“Embora o truste seja modalidade de investimento que não tem regulamentação específica no Brasil, não há dúvida que relativamente ao caso dos autos, o acusado detinha, em relação a essas operações, plena disponibilidade jurídica e econômica. A circunstância de os valores não estarem formalmente em seu nome, é absolutamente irrelevante para a tipicidade da conduta”, afirmou Zavascki.

G1

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Professora é presa por violentar criança com escova

A Polícia Civil de Guarabira prendeu, nesta terça-feira(21), por força de Mandado de Prisão, decorrente de Sentença Condenatória, uma professora condenada por ter praticado, anos atrás, vários atos libidinosos contra uma criança de apenas 9 anos de idade, no município de Duas Estradas (PB).

Ela foi condenada a 9 anos de reclusão. Segundo as investigações, o crime aconteceu em 2008 e a acusada chegou a introduzir uma escova de dentes nas genitálias da criança, além de colocar vídeos pornográficos para assistir na presença da vítima.

De acordo com o delegado seccional Ricardo Sena, ela foi encaminhada ao Presídio de João Pessoa.

MaisPB com Portal Mídia

Com preço alto, Temer libera importação de feijão

Para baixar o preço do feijão nos supermercados, o governo federal tomou providências de liberação da importação do produto de países vizinhos do Mercosul: Argentina, Paraguai e Bolívia. O presidente em exercício Michel Temer fez a requisição ao ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Blairo Maggi. Em entrevista ao Portal do Planalto, Maggi Disse que também está sendo estudada a possibilidade de trazer o produto do México, após a assinatura de um acordo sanitário, e da China. (áudio do ministro anexo)

O preço do principal produto na mesa dos brasileiros subiu em função de questões climáticas, que ocasionou a perda de praticamente todas a safra no Centro-Oeste, explicou o ministro. Isso ocasionou uma queda na oferta e um aumento na demanda, fazendo com que os preços subissem.

Outra medida que está sendo tomada, afirmou o ministro, é de negociar com grandes redes de supermercado para que busquem o produto onde há maior oferta.

“Pessoalmente tenho me envolvido nas negociações com os cerealistas, com os grandes supermercados, para que eles possam fugir do tradicional que se faz no Brasil, e ir diretamente à fonte onde tem esse produto e trazer. E à medida que o produto vai chegando no Brasil, nós temos certeza que o preço cederá à medida em que o mercado for abastecido”.

Portal Planalto

Estado extrapola gastos com folha de pessoal e recebe alerta do TCE⁠⁠⁠⁠

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) emitiu dois alertas ao governador do Estado, Ricardo Coutinho (PSB) após terem sido constatadas falhas relacionadas à ultrapassagem do limite de gastos de pessoal e aplicação abaixo do limite constitucional na Manutenção e Desenvolvimento do Ensino (MDE) e Ações e Serviços Públicos de Saúde.

Os alertas foram feitos na terça-feira (21), pelo relator das contas do Governo do Estado relativas ao exercício financeiro deste ano, conselheiro Fábio Nogueira. A intenção é informar ao governador para que adote medidas preventivas e/ou corretivas pertinentes ao retorno à legalidade.

Em relação ao baixo investimento na MDE e  Ações e Serviços Públicos de Saúde, foi concedido prazo de 30 dias para que o governador insira as informações do Demonstrativo das Receitas e Despesas com Ações e Serviços Públicos de Saúde no Sistema de Informação sobre Orçamento Público de Saúde (SIOPS).

O outro alerta diz respeito aos gastos de pessoal do Executivo Estadual. Os valores estão acima do limite estabelecido na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O alerta tem como base o Relatório de Gestão Fiscal (RGF), correspondente ao primeiro quadrimestre, publicado no Diário Oficial de 28 de maio deste ano.

Seguindo a metodologia da Secretaria do Tesouro Nacional (STN), Poder Executivo apresentou um total de despesa com pessoal da ordem de 54,85% da RCL, ultrapassando o limite máximo.

Nos dois casos, se as falhas não forem corrigidas poderá ocorrer repercussão negativa na prestação de contas anuais relativas ao exercício 2016.

MaisPB

Cássio defende projeto de lei que agiliza atendimento a mulheres vítimas de violência

O líder do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima (PB), saiu em defesa do projeto de lei da Câmara (PLC 7/2016) que promove mudanças na Lei Maria da Penha (Lei 11.340/2006), relatado pelo senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP). Durante audiência pública que ocorreu nessa terça-feira (21), realizada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que tinha por objetivo discutir o projeto, Cássio disse não ver problema em conferir ao delegado, que pode mandar prender alguém, a permissão para impor aos agressores uma restrição de contato com as vítimas.


“Não consigo entender a lógica de burocratizar uma atitude emergencial de socorro a mulheres expostas à violência, que poderá ser mantida ou revista pelo juiz. É uma medida emergencial para evitar o que seguramente já ocorreu no Brasil – que, na demora, em um lapso temporal de 24 ou 48 horas mulheres, voltaram a ser agredidas e perderam a vida porque o Estado não teve a rapidez, a agilidade. O fato é que as mulheres estão morrendo e o Estado tem a obrigação de ser mais ágil e eficaz, sem supressão de instância”, argumentou Cássio.

Desconstrução

Cássio lamentou que o debate no Brasil tenha virado sinônimo de desconstrução.

“Lamentavelmente, no Brasil, para debater tem que desconstruir, e não importa nem mesmo que seja entre entidades de Estado. É com imensa tristeza que, como brasileiro – e aqui não falo como senador da República – eu vejo polícia se confrontando com Ministério Público ou com o Poder Judiciário como se nós não fôssemos um único sistema, um só país, um só povo, uma só gente em busca de propósitos comuns que, neste caso, é defender a mulher. Boa parte do debate e, repito, não é só neste instante porque tem ocorrido em outros momentos, se dá na base da desconstrução. Fruto de uma intolerância que vem crescendo provocado por essa quadra política complexa que nós vivemos e que nos leva a situações extremas e eu não quero permitir que na minha cabeça passe a ideia, sequer de longe, que parte da resistência ao projeto vem também pelo fato de o relator ser um homem, filiado ao PSDB e não vinculado a um pensamento mais à esquerda.”

Disputas corporativas

“Não vou entrar em disputas corporativas e muito menos ideológicas. Estou aqui como representante do estado da Paraíba para tentar compreender que as leis não são imutáveis. A Lei Maria da Penha é indiscutivelmente um dos grandes avanços da sociedade brasileira, da luta feminista, da luta das mulheres, da luta do Congresso Nacional. Essa lei não pode ser transformada em ícone de disputa ideológica, de disputa sectária de quem quer abraçar a defesa de um argumento pelo fato de não ser dele o autor ou não ter o sentimento de maternidade do projeto, ou seja, como não sou mãe da ideia, da iniciativa, por melhor que ela seja vamos combatê-la. Não quero acreditar que parte dessa resistência tenha esse viés”, afirmou Cássio.

Sem consenso

O debate sobre alterações na Lei Maria da Penha na CCJ terminou sem consenso. A audiência pública foi solicitada pela procuradora da Mulher do Senado, senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM). Entre vários pontos que estão previstos no PLC 7/2016 temos a autonomia aos delegados de polícia, para que eles apliquem medidas protetivas de urgência às vítimas, antes de o pedido ser analisado por um juiz.
Anterior Inicio