EM DESTAQUE

Comissária sobrevivente defende piloto: "Morreu como herói"

A comissária de bordo sobrevivente do voo com o time da Chapecoense, Ximena Suárez Otterburg saiu em defesa do piloto Miguel Quiroga, que ...

Rádio Online

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Deputados aproveitam recesso para visitar redutos e discutir eleições de 2016

O início do recesso parlamentar não é de descanso para quem vive da política. Já focando na disputa municipal no próximo ano, muitos devem aproveitar a suspensão das atividades na Assembleia Legislativa da Paraíba, que vai até o dia 6 de janeiro, para visitar seus redutos eleitorais. Os deputados que possuem base eleitoral fora da capital vão ao interior para confraternizar com aliados e lideranças locais, apertos de mão fundamentais para garantir o sucesso no pleito de 2016, seja de prefeito do seu grupo político ou em prol de sua candidatura própria. O momento para eles é de arregaçar as mangas. 

Embora esteja de olho na prefeitura de Campina Grande, o presidente da Assembleia Legislativa, Adriano Galdino (PSB), disse que iria aproveitar o recesso para descansar do estresse do primeiro ano conduzindo o parlamento estadual. O socialista não deve, no entanto, deixar de lado as cidades estratégicas politicamente para ele como Pocinhos, em que deve lançar a esposa para prefeita em 2016, Itatuba e Campina Grande. 

Cotado para disputar a prefeitura de Cajazeiras, o deputado José Aldemir (PEN) deve aproveitar a folga para articular a união das oposições contra a pretensa reeleição da prefeita Denise Oliveira (PSB), com quem rompeu desde as eleições de 2014, que apoiou a candidatura do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) para o governo. O deputado deve, inclusive, durante o recesso da Assembleia, ouvir as lideranças da região e oficializar sua mudança de partido. 

Ainda indefinido quanto a ser candidato em Patos, o deputado Dinaldinho (PSDB) aproveitou a antecipação do recesso na Assembleia Legislativa para fortalecer as alianças em suas bases eleitorais. O tucano também disse que o seu nome está à disposição do partido, mas que no momento a prioridade é unificar as oposições contra a prefeita Chica Motta (PMDB). “Também vou visitar aliados que estão em campanha para 2016, como o prefeito de Condado, Caio Paixão, de Nova Olinda (Du Carmo) e em Santana dos Garrotes ao lado da liderança Vandeco”, disse. 

O deputado Buba Germano entende que o recesso seja necessário para que os deputados se preparem para o exercício das campanhas municipais que será no próximo ano. O socialista, que foi prefeito de Picuí, disse que irá aproveitar o recesso para instalar o escritório regional parlamentar em sua terra natal, mas não tem pretensões de disputar novamente o comando da cidade. “Naturalmente eu costumo dizer que no recesso é que a gente trabalha politicamente muito mais. Sou um político de interior, eu gosto de estar dentro das bases, sinto prazer em estar junto das pessoas que acreditaram e me trouxeram para esta Casa”, comentou. 

Os guarabirenses Camila Toscano (PSDB) e Raniery Paulino (PMDB), que na Assembleia têm atuado na oposição, estão em lados opostos quando o assunto é a prefeitura de Guarabira. Filha do prefeito Zenóbio Toscano, a deputada pretende aproveitar o recesso para descansar e rever aliados. Já o peemedebista terá um trabalho maior para fortalecer as oposições, já que o PSB, que é aliado estadual, pretende lançar candidatura própria.

jp
Proxima Anterior Inicio