EM DESTAQUE

Conselheiro do TCE elogia processo de transição em Juazeirinho

O prefeito Jonilton Fernandes esteve em João Pessoa essa semana em reunião com o Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado - TCE - Dout...

Rádio Online

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Galdino descarta retirar candidatura em CG e diz que desja PMDB na vaga de vice

O presidente da Assembleia Legislativa, Adriano Galdino (PSB), que teve sua pré-candidatura a prefeito de Campina Grande confirmada durante evento do partido no último fim de semana, descartou desistir da disputa ao demonstrar confiança na vitória nas eleições de outubro.

“Eu vou ganhar a eleição. A candidatura não é de Adriano Galdino, é do partido, do projeto do governador Ricardo Coutinho, se alguém for dar marcha à ré, não serei eu, eu vou entrar para vencer”, assegurou.

O parlamentar  não escondeu o desejo de ter o PMDB em sua coligação e confirmou que irá conversar com o deputado federal Veneziano Vital do Rêgo (PMDB), que também se coloca como candidato a prefeito da cidade, para discutir a possibilidade de união entre os dois partidos já no primeiro turno, com o PSB na cabeça de chapa.

“Eu estou sendo sincero, gostaria que o vice fosse do PMDB e vou procurar Veneziano para dialogarmos. Eu também já iniciei as conversas com os deputados Genival Matias e Inácio Falcão”, falou ao admitir ainda uma chapa formada por PSB e PDT.

Adriano Galdino aproveitou a ocasião para alfinetar o prefeito Romero Rodrigues (PSDB) e o deputado federal Veneziano. Ele lembrou que os dois são de famílias tradicionais e nunca enfrentaram dificuldades financeiras.

“Eles tiveram sobrando, eu tive faltando, eles são representantes de oligarquias. A gestão de Veneziano teve coisas boas e coisas ruins, eu quero fazer melhor do que ele, vou imprimir um modelo mais agressivo, o antigo está fadado ao esquecimento”, sentenciou.
Proxima Anterior Inicio