EM DESTAQUE

Comissária sobrevivente defende piloto: "Morreu como herói"

A comissária de bordo sobrevivente do voo com o time da Chapecoense, Ximena Suárez Otterburg saiu em defesa do piloto Miguel Quiroga, que ...

Rádio Online

quarta-feira, 9 de março de 2016

Ministro diz que é prudente gestante usar preservativo para evitar Zika

O ministro da Saúde, Marcelo Castro, disse hoje (9) que é prudente a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) para que gestantes usem preservativo ao fazerem sexo com parceiros que foram para áreas endêmicas do vírus Zika.

“Já são vários casos identificados de que as mulheres que pegaram o vírus de parceiros que estiveram em lugares onde tem a doença”, ressaltou Castro, em coletiva à imprensa, na tarde de hoje, para divulgação do novo boletim de microcefalia. No Brasil, a recomendação é a mesma.

Depois da reunião do comitê de emergência em Zika da OMS, ocorrida na tarde de ontem, a diretora da organização, Margaret Chan, disse, em coletiva à imprensa, que a transmissão sexual do vírus é maior do que se imaginava.

Outra recomendação da organização é que as grávidas evitem viagens para países onde há circulação do vírus Zika. “Como o Brasil é endêmico, nós não vamos dizer para nossas gestantes não irem para lugar tal dentro do país, mas dizemos que tomem as precauções, que tomem todos os cuidados. E os cuidados valem para que estiverem no Brasil, brasileiros ou visitantes”, disse Marcelo Castro.

Durante a coletiva, o diretor de Vigilância das Doenças Transmissíveis do Ministério da Saúde, Cláudio Maierovitch, disse que o Ministério da Saúde está trabalhando próximo da OMS para ações relacionadas ao vírus Zika. “A OMS tem trabalhado muito próxima a nós, em todas as reuniões foi pedida a nossa participação”, ressaltou o diretor.
Proxima Anterior Inicio