EM DESTAQUE

Inep divulga hoje gabaritos da segunda aplicação do Enem

Os candidatos que fizeram a segunda aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no último fim de semana, dias 3 e 4, terão acesso ...

Rádio Online

quinta-feira, 3 de março de 2016

Notificações de dengue sobem 790% e oito mortes são investigadas, na Paraíba

PC-As notificações de casos de dengue subiram 790,88% entre os dias 1 e 27 de fevereiro, com relação ao mesmo período de 2015. São 8.116 casos prováveis na Paraíba, frente aos 911 notificados em fevereiro do ano anterior. Oito mortes que podem ter sido causadas pela doença são investigadas. As informações foram divulgadas nesta quinta-feira (3) pela Secretaria de Saúde da Paraíba.

A Saúde aponta que, quanto à circulação viral de zika, este ano, exames laboratoriais já comprovaram a presença nas cidades de Caldas Brandão, João Pessoa e Campina Grande, enquanto em 2015 o vírus foi detectado em João Pessoa, Campina Grande, Olivedos e Cajazeiras.

No caso da chikungunya, há circulação viral em Monteiro, Coremas e João Pessoa. Em 2015, houve a confirmação em Monteiro.

Quanto aos óbitos referentes à dengue, foram registrados oito, sendo 1 em Campina Grande; 2 em Monteiro; 1 em Sapé; 1 em Pilões; 1 em Caiçara; 1 em João Pessoa e 1 em Bayeux, que estão sob investigação.


Sobre a incidência da dengue (casos/100 mil habitantes), em 2016 a é de 204,31. No mesmo período de 2014 e 2015 foi registrado, respectivamente, 18,48 e 22,93. “Diante destes dados, é de extrema importância traçar, executar e intensificar as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti, numa parceria entre as gestões federal, estadual e municipal, com o envolvimento da população”, alertou a gerente executiva da Vigilância em Saúde, Renata Nóbrega.

O Estado tem um mapa online no qual mostra a relação entre focos e notificações de dengue na Paraíba. Acesse aqui.
Proxima Anterior Inicio