EM DESTAQUE

Incêndio entre Junco do Seridó e Assunção é considerado o maior desastre ambiental da região do seridó e cariri

Entre Junco do Seridó e Assunção, a mata está sendo destruída há vários dias por conta de um incêndio incontido pelos bombeiros. O fo...

Rádio Online

sexta-feira, 11 de março de 2016

Pedido de prisão do MP-SP contra Lula será decidido por juíza da 4ª Vara Criminal

ZH-O pedido de prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de autoria do Ministério Público do Estado de São Paulo (MP-SP), já foi distribuído para a juíza Maria Priscilla Ernandes Veiga Oliveira, da 4ª Vara Criminal da Justiça.

De acordo com o Poder Judiciário, a juíza não tem prazo para tomar a decisão. A reportagem apurou que o processo é bastante volumoso e que a decisão deve demorar alguns dias para ser proferida.

Além da prisão de Lula, também foi pedida a prisão preventiva do ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, do empreiteiro Léo Pinheiro, da OAS, e de outros dois investigados do caso Bancoop. O ex-presidente é acusado de lavagem de dinheiro e falsidade ideológica por supostamente ocultar a propriedade de um triplex no Guarujá – oficialmente registrado em nome da OAS.

No Fórum da Barra Funda, em São Paulo, onde a denúncia foi apresentada pelo promotor Cássio Conserino, a juíza Maria Priscilla é conhecida por ser "linha dura" e rigorosa nas decisões. Em 2008, inclusive, condenou um homem a três anos de prisão em regime fechado por tentativa de assalto, mesmo a vítima não o tendo reconhecido como autor do crime. Diante da juíza, a vítima disse que não foi o homem apontado que tentou assaltar a empresa onde trabalha. A magistrada justificou a  decisão dizendo ter indícios suficientes para incriminar o suspeito. Na sentença, a juíza disse que a vítima não reconheceu o agressor no Fórum porque teve medo — a afirmação foi feita com base em sua observação, já que nada foi dito pela vítima. 


Proxima Anterior Inicio