EM DESTAQUE

JUAZEIRINHO: GOVERNO AVANÇA NA SEGURANÇA HÍDRICA E MANTÉM RITMO FORTE DE TRABALHO

Programa Água Doce na Barra  O governo da cidade de Juazeirinho avança como se não fosse terminar em 31 de dezembro. O ritmo de trabalh...

Rádio Online

quinta-feira, 24 de março de 2016

Publicitária denuncia em rede social tática criminosa para assaltar motoristas

JP- O relato de uma publicitária sobre a ação de uma quadrilha de assaltos a veículos em João Pessoa ganhou repercussão nas redes sociais na tarde desta quarta-feira (23). Na publicação, a mulher comentou que o marido teria sido vítima de criminosos que estariam atirando pedras em carros que passam sob viadutos da capital para praticar os assaltos quando os motoristas param.

Segundo ela, o caso aconteceu quando o marido passava pela Avenida Dom Pedro II, no Centro, e teve o automóvel atingido por uma pedra arremessada possivelmente da Rodovia Governador Antônio Mariz, que fica logo acima.

“Meu esposo estava passando por lá e, do nada, ouviu um barulho muito grande. Pensou que tivesse sido um pneu estourado, mas manteve firme as mãos na direção e logo percebeu que não tinha problema com os pneus”, contou.

De acordo com ela, os alertas sobre a tática dos criminosos haviam sido divulgados há cerca de um mês por meio de mensagens no Whatsapp. “Ele lembrou da mensagem que recebemos e não parou. Quando chegou no local de trabalho, percebeu a pedrada no teto do carro”, mencionou.

Para saber sobre ações para coibir este tipo de crime, a reportagem do JORNAL DA PARAÍBA entrou em contato com as assessorias de comunicação das Polícias Civil e Militar, contudo não obteve retorno.

Apesar disso, a PM reforçou a importância da realização do Boletim de Ocorrência (BO) em casos do tipo. “O pessoal não faz o principal que é denunciar. Porque o policiamento no local é baseado nas estatísticas de denúncias. Até ligam para o 190, mas não denunciam, o que é mais importante”, apontou o sargento Emerson.


Proxima Anterior Inicio