EM DESTAQUE

Incêndio entre Junco do Seridó e Assunção é considerado o maior desastre ambiental da região do seridó e cariri

Entre Junco do Seridó e Assunção, a mata está sendo destruída há vários dias por conta de um incêndio incontido pelos bombeiros. O fo...

Rádio Online

terça-feira, 29 de março de 2016

Suspeitos de assaltos e tráfico morrem durante troca de tiros com a polícia, na PB

PC-Dois homens morreram durante uma troca de tiros com a Polícia Civil na manhã desta terça-feira (29), na cidade de Campina Grande, no Agreste do estado. A dupla é suspeita de assaltos e tráfico de drogas. Outra parte da quadrilha conseguiu fugir.

De acordo com o delegado Ramirez São Pedro, da Delegacia de Roubos e Furtos de Campina Grande, o grupo era investigado desde fevereiro após o assalto a uma revendedora de gás de cozinha da cidade.

“Câmeras de segurança flagraram o crime. Um dos funcionários reconheceu um dos assaltantes e daí começamos a investigar. Nessa terça, recebemos uma informação de que o grupo estava dentro de uma casa no bairro Rosa Mística. Fomos ao local e encontramos um grupo de homens”, falou o delegado.

Segundo São Pedro, os policiais foram recebidos à bala. Houve uma intensa troca de tiros e dois suspeitos foram baleados. As vítimas ainda foram socorridas para o Hospital de Trauma da cidade, mas não resistiram aos ferimentos e morreram. Na casa, que, de acordo com o delegado, seria de ponto de tráfico foram apreendidas uma motocicleta, dois revólveres de drogas.

“Um dos jovens que morreram foi o Wesley Anacleto da Silva, condenado por roubos ocorridos em Campina Grande. Ele estava atualmente em liberdade condicional. Indiciado em outro inquérito de roubo em tramitação na Delegacia de Roubos e Furtos de Campina Grande”.

Agentes da Polícia Civil seguem em diligências para prender outros integrantes da quadrilha suspeita de tráfico de entorpecente e assaltos.
Proxima Anterior Inicio