EM DESTAQUE

Incêndio entre Junco do Seridó e Assunção é considerado o maior desastre ambiental da região do seridó e cariri

Entre Junco do Seridó e Assunção, a mata está sendo destruída há vários dias por conta de um incêndio incontido pelos bombeiros. O fo...

Rádio Online

sábado, 16 de abril de 2016

MST começa na Paraíba Marcha contra o afastamento de Dilma

Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) na Paraíba iniciam neste sábado (19) pela manhã, em Campina Grande, a Marcha da Agricultura Familiar e Camponesa Contra o Impeachment da presidente Dilma Rousseff e em Defesa da Democracia e dos Direitos da Classe Trabalhadora da presidente Dilma Rousseff. A concentração será às 7h, no Estádio o Amigão, no bairro do Catolé, de onde seguem para os municípios de Lagoa Seca, São Sebastião de Lagoa de Roça, Esperança até Sapé. De lá, a Marcha vai para a sede do Incra em João Pessoa.  A previsão de chegar na capital é 10 dias.

Segundo Dileia Aparecida, uma das coordenadoras do MST na Paraíba, vão participar da Marcha quatro mil famílias que estão em 49 acampamentos no Estado. O planejamento é que quando chegar em João Pessoa, o grupo se reuna com todos os movimentos e permanecem na cidade até sexta-feira (29). Ela disse que está sendo avalianda a possibilidade de realização de um grande ato em 1º de maio.

A dirigente também explicou que a marcha faz parte também relembrará os 20 anos de impunidade dos responsáveis pelo Massacre de Eldorado dos Carajás e a morte recente do trabalhador rural Ivanildo Francisco da Silva, 46 anos, assassinado com um tiro de espingarda, no assentamento Padre João Maria, em Mogeiro, na zona da mata paraibano. 
Proxima Anterior Inicio