segunda-feira, 25 de abril de 2016

Para evitar H1N1, Paróquia de Monteiro suspende aperto de mão e entrega da hóstia na boca

A Igreja Católica de Nossa Senhora das Dores,  da Cidade de Monteiro no Cariri paraibano alterou alguns dos atos comuns nas celebrações das missas.

Segundo o padre Zé Marco, as recomendações são parte de um pedido do Arcebispo da Paraíba para que os fiéis possam se proteger da contaminação pela doença.

As recomendações são que os fiéis evitem dar as mãos, no momento de reza do Pai Nosso e da paz durante celebração. O Pároco também pediu que  a entrega da Hóstia Consagrada seja sempre nas mãos dos fiéis para evitar um possível  contágio pelo vírus H1 N1.

De acordo com o arcebispo, Dom Aldo Pagotto as recomendações são temporárias e devem ser seguidas por todo Clero paraibano e demais fiéis enquanto houver registro de muitos casos da gripe H1N1.

o pipoco
Share:

Curta nosso trabalho no facebook