EM DESTAQUE

Incêndio entre Junco do Seridó e Assunção é considerado o maior desastre ambiental da região do seridó e cariri

Entre Junco do Seridó e Assunção, a mata está sendo destruída há vários dias por conta de um incêndio incontido pelos bombeiros. O fo...

Rádio Online

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Criança sobrevive após ter galho atravessado no peito

Um garoto de oito anos sobreviveu a um acidente no qual, ao cair de uma árvore, um dos galhos quebrou atravessando o seu peito. Familiares relataram à direção do Hospital de Urgência de Teresina (HUT) que o menino brincava com seus amigos quando o acidente aconteceu no final da tarde de segunda-feira (20). A família mora em Santa Filomena, a 925 km ao Sul da capital.
Diante da gravidade do ferimento, o garoto teve que ser transferido para Teresina. Imagens da tomografia computadorizada mostram o galho atravessado no peito do garoto.
Segundo o diretor do HUT Gilberto Albuquerque, o garoto teve sorte, pois é um caso delicado e o paciente corria risco de morte. Uma cirurgia foi feita na manhã desta terça-feira (21) para a retirada do galho.
“Ele sofreu uma perfuração muito grande porque o galho atravessou o seu peito até sair pelo ombro direito. O menino poderia sofrer lesões no pulmão, fígado e, caso o galho tivesse atingido poucos centímetros do lado esquerdo, o coração ou artérias seriam perfurados, mas nada disso aconteceu”, falou o médico.
Apesar da gravidade, o médico garantiu que o garoto não terá sequelas e que o corte não afetou nenhum órgão vital. “O paciente encontra-se no leito em recuperação e o seu estado é estável. A madeira foi retirada e o ferimento suturado”, disse Gilberto Albuquerque.
“Estou muito feliz que meu filho conseguiu escapar. Minha esposa se desesperou e eu também. Viemos para Teresina sem roupa, pois não tive tempo. Para mim, meu filho nasceu de novo”, disse o pai do garoto, Ibiatan Dias.
G1
Proxima Anterior Inicio