EM DESTAQUE

JUAZEIRINHO: GOVERNO AVANÇA NA SEGURANÇA HÍDRICA E MANTÉM RITMO FORTE DE TRABALHO

Programa Água Doce na Barra  O governo da cidade de Juazeirinho avança como se não fosse terminar em 31 de dezembro. O ritmo de trabalh...

Rádio Online

sábado, 20 de agosto de 2016

Açude recuperado pela prefeitura de Juazeirinho gera sustentabilidade em comunidade rural

JUAZEIRINHO - Na comunidade rural Escurinha, existe um manancial denominado de Açude de Zé Sulino, que havia 15 anos estava estourado e não conseguia juntar água durante o período chuvoso, o que prejudicava a população da região.

Mas recentemente o reservatório foi reformado pela Prefeitura e, com as chuvas que caíram este ano, o açude acumulou água de boa qualidade, que está sendo de grande valia para o consumo de centenas de moradores em tempos de seca.

Além disso, a água é utilizada também para o cultivo de hortaliças, como coentro, cebola e alho, que são comercializadas pelos pequenos agricultores nas cidades de Juazeirinho, Junco do Seridó e Soledade, por exemplo.

De acordo com o agricultor, seu Inácio, trata-se de verduras completamente livre de agrotóxicos.

"Nós plantamos coentro e vendemos em Juazeirinho, Soledade e outros cantos. É o melhor da região, pois é plantado só com estrume. Não tem veneno de qualidade nenhuma que possa contaminar a água. Portanto, é um coentro de qualidade", garante o agricultor.


 Ele afirma ainda que a água é de ótima qualidade, pois vem diretamente da serra para dentro do açude que, por sua vez, não tem esgoto por perto.

Seu Inácio garante que o açude é a salvação das famílias que habitam a região, haja vista que é a única fonte d'água que existe nas cercanias.

"Se não tivesse essa água aqui hoje, nas condições que está, tem muita gente que não tem dinheiro pra comprar uma carrada d'água. Esse ano choveu, é verdade, mas os pequenos barreiros já secaram todos e essa água do Açude Zé Sulino é própria para o consumo e todo mundo pode beber sem medo", conclui o homem do campo, acrescentando que, pela sua experiência, a água acumulada no manancial deve chegar até o mês de dezembro.

Com Heleno Lima 
Proxima Anterior Inicio