quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Hospital de Trauma de Campina só atenderá emergências em 2017, diz diretor

O diretor do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, dr. Geraldo Medeiros, informou na manhã desta segunda-feira (5) que, a partir do dia 1º de janeiro de 2017, o hospital só vai atender pacientes de trauma e emergências clínicas e pediátricas.

Segundo o diretor, a Prefeitura precisa dar respaldo para o Trauma. Ele afirmou que não será mais possível, por exemplo, que um paciente oncológico seja atendido pelo hospital.

Medeiros relatou que o Trauma atende cerca de 1 milhão e 500 mil pacientes e que nenhum hospital atende essa demanda sem que haja problemas.

Na ocasião, o diretor confirmou que, ocasionalmente, há falta de insumos.

– O hospital de Trauma vive uma crise econômica, assim como vários outros setores. A falta momentânea de alguns insumos (como soro fisiológico) é resultado da alta demanda do hospital – declarou.

*As declarações repercutiram na rádio Correio FM.
Share:

Curta nosso trabalho no facebook

Mais notícias