Notícias com Polêmica Paraíba

Entrevista da semana

Político é preso acusado de explodir bancos na PB

A Polícia Militar prendeu dois suspeitos de integrar uma quadrilha responsável por praticar ações contra as agências do Banco do Brasil, Bradesco e Correios da cidade de Alagoa Grande, na madrugada dessa quinta-feira (8).

Um dos presos é Severino Fernandes dos Santos, de 40 anos. Ele foi candidato a vereador pelo PTdoB este ano na cidade de Matinhas. Biu de Cosmo, como é conhecido, não teve êxito no pleito e recebeu apenas 51 votos. O outro suspeito preso foi Artur Stefano Ramos da Silva, de 30 anos.

A dupla foi presa ainda durante a manhã, na cidade de Matinhas, em uma localidade conhecida por Cachoeira de Pedra D’´Água, onde a PM apreendeu grande quantidade de explosivos, um fuzil calibre 7,62; 12 coletes a prova de balas, carregadores de pistola, ferramentas usadas nas ações e recuperou parte do dinheiro levado das agências.

Próximo ao local, foram encontrados dois carros queimados, que foram usados nas ações.

Durante a noite, ainda nas buscas pelos suspeitos, foi interceptado um carro entre as cidades de Matinhas e Alagoa Nova, que estaria tentando resgatar outros integrantes da quadrilha na região. O motorista do veículo é do bairro Monte Castelo, em Campina Grande, mesmo bairro de um dos suspeitos presos pela manhã. Ele estava perguntando por pontos de referência aos moradores, o que levantou a suspeita por parte da PM. O homem foi levado para a delegacia de Polícia Civil, em Esperança, para prestar esclarecimentos.

O material apreendido durante o dia e os dois presos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Federal, em Campina Grande.

www.lazarofrarias.com.br / MaisPB
Share:

Entrevista