sábado, 27 de maio de 2017

Procurador geral afirma que Michel Temer é réu confesso

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, encaminhou ao Supremo Tribunal Federal pedido para interrogar o presidente Michel Temer.

Para ele, o peemedebista fez “confissão” sobre o conteúdo de gravação feita por Joesley Batista, informa o jornal Folha de São Paulo. No documento, enviado ao ministro Edson Fachin, Janot cita trecho do pronunciamento de Temer no sábado (20).

Na fala,o presidente comentou relato do empresário da JBS sobre estar “segurando” juízes e pagando informante na Lava Jato.

“Devo dizer que não acreditei na narrativa do empresário de que teria segurado juízes etc. Ele é um conhecido falastrão”, disse Temer na ocasião.

Para o procurador,o discurso é confissão de que Temer e Joesley dialogaram sobre possível corrupção.

*fonte: uol
Share:

Curta nosso trabalho no facebook

Mais notícias