Cobertura do São João de Soledade

quinta-feira, 8 de junho de 2017

Idosa de 95 anos é achada em situação precária e abandonada em hospital da PB

Uma história de abandono, desprezo e muita tristeza. Uma idosa de 95 anos foi internada no Hospital Regional de Patos, que fica a 314 quilômetros de João Pessoa, no dia 22 de março deste ano e, após receber alta, nenhum parente apareceu para buscá-la. 

A idosa foi encontrada na casa dela casa por equipes da Saúde da Família da cidade de Patos. A situação em que ela se encontrava era insalubre e digna de um filme de horror: muita sujeira, lixo e fezes por todo seu corpo. 

Desnutrida, a senhora foi enviada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital Regional de Patos. No centro médico, a idosa foi tratada de uma pneumonia, higienizada e depois de alguns dias estava pronta para receber alta hospitalar. Entretanto, a idosa não teria condições de retornar ao ambiente onde estava, e, além disso, nenhum parente próximo se apresentou no Hospital.

A direção do Hospital Regional, por meio da diretora Liliane Sena, entrou com uma ação junto ao Ministério Público da Paraíba a fim de resolver a situação da senhora. 

“Por meio do promotor Elimar Viana nós solicitamos o auxílio do abrigo do Jatobá, em Patos, para encaminhar a idosa”, afirmou a diretora. No processo redigido pelo promotor, é constatado que a senhora possui um filho adotivo, mas que também não tem condições de cuidar dela, pois tem problemas de alcoolismo.

Conquistou a equipe médica

Depois de três meses recebendo cuidados de enfermeiros e médicos, a idosa conquistou os corações de toda a equipe médica do Hospital, que já sofre com a eminente partida de dela para o asilo do Jatobá. “Ela comoveu e cativou toda a equipe médica. Todos já criaram uma relação especial com ela”, concluiu a diretora Liliane Sena.
Share:

Oposição afirma que ainda é preciso conversar com o Prefeito de Soledade sobre Mini Shopping

Curta Prefeitura de Assunção

Taperoá: Prefeito promete recuperação do Celso Mariz