Em Assunção obra da rede de distribuição de água segue dentro do prazo

quarta-feira, 5 de julho de 2017

Mesmo com 5 votos a favor e apenas 3 contra na Câmara Municipal, Soledade perdeu Mini Shopping

A sessão extraordinária ocorrida nesta terça (04), na Câmara Municipal de Soledade, tinha tudo para ser rápida e com desfecho certo: A aprovação do pedido de empréstimo de 500 mil reais junto ao programa Empreender PB, para que a prefeitura construísse um Mini Shopping. 

Essa expectativa positiva ganhou força, depois que o prefeito Geraldo Moura Ramos, se reuniu com os vereadores na terça feira dia 27 de junho, para tentar conquistar os votos que o governo precisava. 

Parte dos vereadores até posou para fotografia com o prefeito, e os líderes de cada bancada, garantiram a aprovação do projeto. 

Na prática tudo foi bem diferente, e pela segunda vez em 30 dias, faltou um voto para que a matéria ganhasse aprovação. Foram 5 a favor, vindos da bancada de situação, e 3 contra, vindos da bancada de oposição. 

Por se tratar de matéria especial, seriam necessários dois terços da câmara, ou seja, 6 votos.

Na tribuna, o vereador Wellington Di Karlos, líder da bancada de oposição, justificou o posicionamento contrário dele e dos colegas, dizendo que o governo reservou aporte financeiro grande demais para publicidade institucional, já o líder governista, vereador Júlio Cesar, afirmou que a prefeitura cumpriu todas as exigências feitas pela oposição, que mesmo assim, reprovou o PL por razões meramente políticas.  

O Chefe do Poder Executivo, Geraldo Moura, que estava presente na sessão, usou a  tribuna, lamentou o ocorrido e disse que a oposição não falou a verdade para a população. 
Share:

Oposição afirma que ainda é preciso conversar com o Prefeito de Soledade sobre Mini Shopping

Curta Prefeitura de Assunção