terça-feira, 26 de setembro de 2017

Odebrecht entrega documentos que complicam a situação de Lula

O empresário Marcelo Odebrecht entregou à Polícia Federal documentos para comprovar que uma doação oficial de R$ 4 milhões ao Instituto Lula saiu do Setor de Operações Estruturadas, nome do departamento de propinas da empreiteira, revela o jornal O Estado de São Paulo.

E-mails enviados por Odebrecht a executivos do setor informam que os repasses seriam feitos por via legal, mas que seriam debitados dos R$ 15 milhões do “Amigo”, suposto codinome do ex-presidente Lula, da planilha do “Italiano”, que era a “conta corrente” gerenciada pelo ex-ministro Antonio Palocci.

“Italiano disse que o Japonês (Paulo Okamotto, presidente do instituto) vai lhe procurar para um apoio formal ao inst de 4m”, diz ele em um dos e-mails.

O empreiteiro entregou quatro recibos de R$ 1 milhão cada, referentes à doação.

A defesa de Lula diz que as doações foram legais.

*fonte: estadao
Share:

Vereador de Pedra Lavrada diz que enquete foi forjada para prejudicar prefeito

Entrevista

Curta nosso trabalho no facebook

Mais notícias