segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Morre criança vítima de acidente no Cariri ; população reclama do Samu de Monteiro

Morreu às 16 horas desta segunda-feira (27) no Hospital de Trauma de Campina Grande o menor José Henrique, de 10 anos, vítima de um atropelamento nesta manhã em Assunção, no Cariri da Paraíba. A criança sofreu um traumatismo craniano, lutou para viver, mas infelizmente veio a óbito devido à gravidade dos ferimentos.

Segundo informações colhidas pelo portal De Olho no Cariri, a criança foi atropelada quando se dirigia para a escola por volta das 6h50 e a causa do acidente foi a desatenção do próprio menor que atravessou a pista repentinamente.

O menino foi socorrido rapidamente pela equipe de saúde do município e levado para o Hospital de Taperoá, onde foi bem atendido e recebeu todos os socorros apropriados para esta casa de saúde. O que revoltou à população foi a demora do socorro por parte do Samu com sede em Monteiro.

A unidade foi acionada pouco depois da entrada da criança no hospital de Taperoá, saiu de Monteiro às 9 horas, mas só chegou à casa de saúde com mais de 2 horas depois.

Apesar de não se poder afirmar que a da demora foi a causa principal para o falecimento do pequeno José Henrique, a família, populares e autoridades ficaram insatisfeitos com a assistência prestada pelo Samu, que é um programa de atendimento rápido a vítimas de acidentes. A crítica se estende à metodologia do programa, que impede que a ambulância avançada do Samu de Soledade fizesse o socorro, uma vez que o município de Taperoá está ligado à unidade de Monteiro. Vale ressaltar que Taperoá está bem mais próximo à Soledade do que a Monteiro para tal deslocamento.

O velório e sepultamento do menino ainda não foi definido pela família. Familiares ouvidos pela nossa reportagem disseram que a criança sempre ia a pé e sozinho para a escola e consideraram o incidente uma trágica fatalidade.

De Olho no Cariri
Share:

Curta nosso trabalho no facebook

Mais notícias