terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Filho narra morte da mãe durante acidente de moto

O filho de Maria do Socorro da Cruz Santos, de 44 anos, morta na manhã desta terça-feira (20) ao ser atropelada por um caminhão, em Campina Grande, viu quando o acidente aconteceu. De acordo com Patrício Pereira, marido da vítima, o filho, de apenas 6 anos, o alertou sobre o acontecido: “Olha pai, o ônibus passando por cima de mainha, meu pai”.

Segundo Patrício, a morte de Maria foi por causa da imprudência do motorista do caminhão. “A gente vinha devagar e a carreta atrás. Quando passamos, ele deu uma queda de asa e passou por cima dela e ia passar por cima de mim. Meu menino tem 6 anos, ele viu tudo”, desabafou o marido da vítima.

O motorista do caminhão contra outra versão. Ele diz que vinha tão devagar que não viu nem sentiu o atropelamento. “Eu nem vi. Quem viu foi o esposo dela que ia na frente. Ele disse que eu matei a esposa dele, mas eu não percebi. Tava devagar. Ela foi ultrapassar e derrapou na areia”, conta.

A perícia esteve no local para identificar como realmente aconteceu. Os moradores das proximidades falam que é comum os acidentes no trecho, que está com o asfalto danificado e acumulando areia.
Share:

Escute reportagem especial

Curta nosso trabalho no facebook

Mais notícias