quinta-feira, 31 de maio de 2018

Sem bloqueios, Paraíba amanhece com gás de cozinha e pouca fila em postos

O abastecimento de alimentos e gás de cozinha já começa a ser normalizado nesta quinta-feira (31), na Paraíba. Com a recarga de combustível nos postos já normalizada, o dia amnheceu sem filas e, nas rodovias, também sem interdições. A greve dos caminhoneiros começou no dia 21 de maio e os últimos bloqueios foram desfeitos na quarta-feira (30), na BR-101, em João Pessoa, durante uma operação da PRF, PM e Exército.

Na entrada da cidade de Campina Grande, em Santa Teresinha, na BR-230, a interdição que acontecia desde o início da greve foi desfeita também na quarta-feira e o trecho está livre para os veículos. Esse era o principal ponto de mobilização, que deu início a greve dos caminhoneiros na Paraíba.

Segundo a reportagem da TV Paraíba, as interdições em Patos e Santa Luzia já foram liberadas e alguns postos já estão recebendo combustível.

Reabastecimento de gás de cozinha

Cerca de 20 mil botijões de gás chegaram na Paraíba nesta quinta-feira (31), de acordo com o presidente do Sindicato dos Revendedores de Gás GLP da Paraíba (Sinregás-PB), Marcos Bezerra. Desde às 7h, as distribuidoras do produto começaram a fazer o repasse para as revendedoras e até às 12h o estoque deve ser normalizado.

O gás de cozinha estava em falta na Paraíba desde a última quinta-feira (24), no 4º dia de greve dos caminhoneiros, que reivindicavam a queda no preço dos combustíveis. De acordo com Marcos Bezerra, o preço do gás de cozinha na Paraíba não pode passar de R$ 70, devendo ser denunciado aos órgãos de defesa do consumidor os locais com preços abusivos de revenda.

Alimentos

O abastecimento dos produtos que estavam em falta nos supermercados da Paraíba começou a ser feito nesta quinta-feira (31). De acordo com o presidente da Associação de Supermercados da Paraíba (ASPB), Damião Evangelista, a previsão é que a situação seja 100% normalizada na segunda-feira (4).

Na Empresa Paraibana de Abastecimento e Serviços Agrícolas (Empasa), o abastecimento nesta quinta-feira foi de 30% do esperado em dias normais. "Chegou de tudo um pouco. Melancia, melão, cenoura, batatinha, laranja", informa o diretor José Tavares. A previsão é que entre oito e dez dias a situação esteja totalmente normalizada.

Frota de ônibus

Em João Pessoa, a frota de ônibus nesta quinta-feira (31) está reduzida a 75% devido ao feriado de Corpus Christi. No entanto, de acordo com o Sintur-JP, a previsão é que na sexta-feira (1º), a frota de ônibus esteja 100% normalizada.

Em Campina Grande, a frota neste feriado é de 50%. Na sexta-feira, segundo a STTP, os ônibus devem circular em 85% da frota total, voltando a normalizar apenas na segunda-feira (4).
Share:

Escute reportagem especial

Extra

Maranhão se diz disposto a unir Oposição

Curta nosso trabalho no facebook

Mais notícias