sexta-feira, 12 de outubro de 2018

Ricardo afirma que campanha de Haddad vai precisar mudar e alerta para confrontos em redes sociais

O governador Ricardo Coutinho (PSB) deu a largada, na Paraíba, na campanha do presidenciável Fernando Haddad (PT) para o segundo turno das eleições. Em encontro promovido na Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado (Fetag), o socialista afirmou que o Brasil enfrenta uma disputa entre o governo de extrema direita e o governo democrático e alertou que será preciso mudar a estratégia de campanha.

“Para fazer um caminho diferente, vamos ter que compreender que a nossa forma de campanha vai ter que mudar um pouco. Não é que mude as nossas crenças, as nossas necessidades continuam, mas Haddad sabe a responsabilidade que está sobre nossos ombros”, observou.

O chefe do executivo estadual também chamou a atenção para o momento crítico da política nacional brasileira.

“Eu quero evitar que o Brasil entre no pior momento de sua história. Nem em 64, a gente viveu isso. É preciso salvar o país, salvar a nação desse momento de transe que o Brasil está vivendo”, declarou.

Por fim, Ricardo ainda fez um alerta sobre os confrontos entre os eleitores de Jair Bolsonaro e Haddad nas redes sociais.

“Essa briga nas redes sociais tem feito com que Bolsonaro avance cada vez mais. Ninguém se iluda, cada ataque que a gente faz, provocando ou destroçando as pessoas que votam com ele, o resultado é que cada vez mais, se afirmam contra Haddad, contra nosso candidato. Isso só a Sociologia, a Psicologia conseguirão explicar daqui algum tempo”, finalizou.
Share:

Balanço Geral - Correio FM 98.1

Confira os principais destaques do dia!

Escute reportagem especial

Curta nosso trabalho no facebook

Mais notícias