REUNIÃO DO G10: metade da bancada já fala em rompimento com Governo de João Azevêdo

Aconteceu nesta terça-feira (30), em João Pessoa, na sede do Avante, a reunião do G10 – o grupo paragovernista da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB). O prato principal não foram as estratégias do grupo para a retomada dos trabalhos legislativos, mas sim as insatisfações de parte dos deputados com o governador João Azevedo (PSB).

Dos 10 deputados do grupo, apenas Nabor Vanderley (PRB), Pollyana Dutra (PSB) e Caio Roberto (PR) faltaram à reunião, mas apresentaram justificativas: eles estavam viajando.

Por razões óbvias, o assunto não é tratado publicamente, mas parlamentares informaram à redação do Polêmica Paraíba, com reservas, que o grupo está dividido em dois. A reportagem apurou que os deputados Tião Gomes (Avante), Dr. Erico (PPS), João Bosco (PPS), Taciano Diniz (Avante) e Caio Roberto são os mais insatisfeitos do grupo.

As principais queixas se traduzem em pleitos não atendidos, a exemplo de reuniões nunca realizadas e falta de indicação de cargos. Na prática, esses deputados não se sentem contemplados ‘como governistas.’

A outra metade do grupo age para tentar acalmar os ânimos. Genival Matias e Júnior Araújo são os verdadeiros bombeiros do grupo. Eles têm o apoio de Nabor Vanderley, Polyana Dutra e Felipe Leitão, que pregam internamente a calma e a manutenção do apoio a João Azevêdo.

Polêmica! 
Reactions