Paraíba tem segunda maior alta no varejo do país

As vendas de fim de ano no varejo da Paraíba colocaram, novamente, o setor em destaque no cenário nacional, ao registrar o segundo maior crescimento do país. De acordo com dados da Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), divulgados nesta quarta-feira (12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), as vendas apresentaram alta de 10% no mês de dezembro sobre o mesmo mês do ano anterior nas lojas comerciais do estado, ficando atrás apenas do estado do Amapá, enquanto o país registrou alta de 2,6% nas vendas.
Já as vendas do comércio ampliado da Paraíba, que analisa os segmentos de veículos, peças e materiais de construção, expandiram 5,1% em dezembro sobre o mesmo mês do ano anterior, enquanto o crescimento do país ficou abaixo da Paraíba (4,1%). O estado registrou a segunda maior taxa do Nordeste nesse indicador, ficando atrás apenas da Bahia (8%).

Vendas no país

Frente a dezembro de 2018, a variação das vendas do comércio varejista nacional registrou aumento em 18 das 27 Unidades da Federação, com destaque para os estados do Amapá (38,7%) e Paraíba (10%), que tiveram crescimento acima de dois dígitos. Por outro lado, pressionando negativamente, figuram nove Unidades da Federação, com destaque para: Rondônia (-6,8%), Ceará (-2,8%) e Paraná (-2,8%).
Entre as atividades que tiveram mais destaques em crescimento foram outros artigos de uso pessoal e doméstico; seguido por Móveis e eletrodomésticos e Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos. Ainda com avanço nas vendas frente a dezembro de 2018, figuram ainda equipamentos e material para escritório, informática e comunicação e Livros, jornais, revistas e papelaria.
Já a influência negativa foi observada em hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo; seguida, em menor medida, por Combustíveis e lubrificantes e tecidos, vestuário e calçados, setores que também mostraram queda nas vendas frente a dezembro de 2018.
Portal Correio
Reactions