Autoridades de Soledade avaliam São João

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Prefeitura divulga nota sobre suposta retirada de festa do Parque do Povo

Uma polêmica rondou na imprensa e em várias partes da cidade, nessa quarta-feira, 14, sobre uma suposta mudança do Maior São João do Mundo, do Parque do Povo para o antigo Clube dos Caçadores, adquirido pela Prefeitura Municipal.



Foto: Codecom/CG

O boato pegou muita gente de surpresa e a preocupação tomou conta de quem se envolve no evento.

Foi o que aconteceu com os comerciantes do Parque do Povo, liderados por Lucinei Cavalcante, que ao saber da notícia fez uma enquete entre os barraqueiros e ficou claro que a grande maioria não gostaria que a festa mudasse de local.

Lucinei disse que as razões eram muitas, como a tradicionalidade, por acreditar que o espaço comporta a festa; pelas reformas acontecidas lá; e pelos mais de 30 anos de festa no mesmo local.

Como solução de espaço, o barraqueiro falou sobre desapropriação de casas, ampliação do Parque do Povo para o Parque Evaldo Cruz (Açude Novo) e a retomada do gerenciamento da festa pela prefeitura.

– O Parque do Povo tem espaço suficiente, havendo apenas a necessidade de se fazer desapropriação da área, que já teve verba federal destinada para isto e até agora não se sabe o que aconteceu com o recurso. O que precisa não é mudança de local, é deixar o PP apto para que a festa aconteça com o brilhantismo de sempre. Se esta mudança acontecer, vai ser muito dificultoso – ressaltou ele.

Lucinei disse que com a parceria público-privada os barraqueiros já tiveram muitas “arbitrariedades e arrochos” pois, por causa da exclusividade no fornecimento de bebidas, a cidade deixou de gerar emprego e renda.

– Imagino que o poeta Ronaldo Cunha Lima deve estar se remexendo no túmulo essa hora, com todo respeito que tenho, porque é o próprio grupo que ele fundou na cidade, que está querendo tirar o QG do forró do Parque do Povo e assim vai tirar a autenticidade, a originalidade e a tradição da festa – lamentou.

Diante da repercussão do assunto, a Prefeitura Municipal de Campina Grande emitiu uma nota dizendo que não existe nenhuma decisão oficial com relação a transferência do Maior São João do Mundo, do Parque do Povo para o Clube dos Caçadores, e tudo não passava de especulação para gerar polêmica dispensável sobre o assunto.

Ainda segundo a nota da Prefeitura, se um dia isto acontecer terá que ser feito baseado em vários fatores como um estudo técnico de viabilidade, pesquisa e debate entre os envolvidos e a população.

*As informações repercutiram na Rádio Campina FM.

www.lazarofarias.com.br
Com Paraibaonline
Share:

Oposição afirma que ainda é preciso conversar com o Prefeito de Soledade sobre Mini Shopping

Curta Prefeitura de Assunção

Taperoá: Prefeito promete recuperação do Celso Mariz