terça-feira, 21 de agosto de 2018

DUELO MARCADO: Tárcio e João se enfrentarão nesta terça-feira com contracheques em mãos

A chapa esquentou no debate dos candidatos ao Governo da Paraíba transmitido pela TV Master nesta segunda-feira (21). O candidato do PSOL, Tárcio Teixeira, aceitou o desafio do candidato do PSB, João Azevedo, e vai comparecer nesta terça-feira (21), às 7h, à Escola Estadual João Goulart para mostrar os contracheques dos professores do estado.

Durante sua fala, Tárcio afirmou que cancela sua agenda pela manhã para provar quanto ganha um professor e quer que João Azevêdo faça o mesmo e mostre os seus contracheques.

No primeiro bloco do debate, Tárcio Teixeira perguntou a João Azevedo se haverá perseguição do governo aos profissionais concursados que protestarem contra medidas da gestão estadual. Segundo ele, a atual gestão pune severamente quem se opõe às decisões.

João Azevedo falou sobre concurso público para 10.500 profissionais, além de ter chamado os aprovados em concursos anteriormente. Para João Azevedo, “nenhum outro governo tratou os servidores com o cuidado que o atual governo trata”, ele seguiu dizendo que a oposição usa “discurso fácil”, mas os dados estão mostrando que o governo é bem sucedido.

Na réplica, Tárcio disse que João merece o apelido de “pedra” e criticou-o dizendo que o candidato não responde às perguntas. O candidato do PSOL garantiu descongelar as progressões salariais, aumentar os salários de professores e policiais.

Na tréplica, João disse que Tárcio está mal informado e destacou que os professores da rede estadual recebem mais que o piso salarial dos professores e o desafiou a provar o contrário.


Share:

Balanço Geral - Correio FM 98.1

Confira os principais destaques do dia!

Escute reportagem especial

Curta nosso trabalho no facebook

Mais notícias