Entrega do Aluízio Campos tem presença de Bolsonaro nesta segunda

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, entrega, na manhã desta segunda-feira (11), o Conjunto Habitacional Aluízio Campos, um dos maiores núcleos habitacionais do Nordeste, com 4.100 unidades, entre casas e apartamentos. O presidente da República, Jair Bolsonaro, participará da solenidade.
O complexo, situado no bairro do Ligeiro, nasce com população superior a 180 municípios paraibanos. O investimento inicial tem a participação da União, com recursos da ordem de R$ 300  milhões, com a contrapartida da Prefeitura Municipal de Campina Grande, com mais R$ 30 milhões e toda infraestrutura, oferecendo condições dignas aos seus a milhares de famílias que ali passarão a residir.
A entrega do Conjunto Aluízio Campos teve a data adiada algumas vezes, em função de se buscar compatibilizar as agendas entre as autoridades municipais e federais. Além e grande avanço no combate ao déficit habitacional em Campina Grande, a entrega do núcleo revitaliza aquela área da cidade, visto em que em seu entorno muitas atividades estão projetada, além da extensão das linhas de transportes urbanos.

Serviços e assistência no novo conjunto

O Conjunto Aluízio Campos receberá diversos serviços da Prefeitura já existentes em outros locais. A Secretaria de Assistência Social da Prefeitura Municipal de Campina Grande já anunciou que prestará os seus serviços à população través Centro de Referência de Assistência Social – CRAS.
Além das atividades do CRAS, o “Aluizio Campos” contará também com o Programa Criança Feliz, que o acompanhamento em domicílio de crianças de 0 a 3 anos, e de 0 a 6 anos (com deficiência) e a gestante. Outros serviços também serão oferecidos.
Já a Secretária de Serviços Urbanos se prepara para um serviço de limpeza eficiente no conjunto, garante o secretário da pasta, Geraldo Nobre, adiantando que a Sesuma desenvolveu um projeto específico para o local. Ele explica:
“Depois de visitarmos todas as ruas, foi necessário desenvolver um projeto específico, por se tratar de um conjunto com 4.100 casas e apartamentos, considerada uma cidade de porte médio  mais de 70 ruas e avenidas”, explicou, e era necessário fazer algo diferente”.
Ele revela ainda que todas estas ações da Sesuma estão sendo levadas ao conhecimento dos futuros moradores através de reuniões,  mostrando  a necessidade de que haja por parte deles uma conscientização para que juntos, mutuários e poder público, tenhamos um serviço de qualidade e eficiente.
O complexo residencial contará com a atuação, também, intensiva do Programa Recicla Campina, gerenciado pela Secretaria de Serviços Urbanos e Meio Ambiente (Sesuma). Lançado este ano pelo prefeito Romero Rodrigues, o programa já realiza uma grande mobilização na cidade na área de educação ambiental. O governo municipal promove a conscientização sobre a importância e a participação da comunidade quanto à reciclagem de resíduos sólidos e rejeitos.

Meio ambiente

Outra iniciativa pensada por parte da Prefeitura foi a parte de arborização de todo o complexo, que além de ganhar um Jardim Botânico, está sendo beneficiado com a plantação de centenas de mudas.
“Há dois anos implantamos o projeto Minha Àrvore,  em toda sua extensão e este trabalho está sendo intensificado pela equipe da Dra. Denise Sena, coordenadora do Meio Ambiente.
“O Aluísio Campos será um modelo  em termos ambientais com estas nossas iniciativas  e certamente teremos todo  apoio da população”, garantiu o prefeito Romero Rodrigues.

Infraestrutura e transporte

Ainda como parte da infraestrutura do novo conjunto habitacional da cidade, que já contam com vias de acesso devidamente prontas, o bairro terá duas linhas de coletivos para atender demanda, além de uma adutora construída pela Prefeitura e estações elevatórias para a coleta de esgotos, a um custo de R$ 12 milhões.
O núcleo também contará com creches, quadras de esportes, PSFs, áreas de eventos e uma gama de equipamentos sociais melhorando a qualidade de vida da população.
Portal Correio
Reactions