quarta-feira, 4 de julho de 2018

Presidenciável diz que foi atacado por mulher embriagada

O pré-candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL-RJ) precisou se esconder dentro do banheiro do Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, na tarde desta terça-feira.

O local foi usado por ele para evitar uma mulher que disparava palavras contra ele e passou a cercá-lo na sala de embarque do terminal, de acordo com a coluna da jornalista Mônica Bergamo, publicada no jornal Folha de São Paulo.

Durante o protesto contra Bolsonaro, a mulher teria se jogado no chão e o classificado como “lixo”.

Em conversa com a jornalista, o pré-candidato disse que lamentava o ocorrido e afirmou que a mulher estava “bastante embriagada”, ainda conforme relato do jornal.

O deputado ainda reclamou do fato de, no aeroporto, não haver uma equipe de segurança para resolver o assunto, inclusive, para impedir que ela embarcasse.

*fonte: uol
Share:

Balanço Geral - Correio FM 98.1

Confira os principais destaques do dia!

Escute reportagem especial

Curta nosso trabalho no facebook

Mais notícias